Manifesto

Pensar globalmente, agir localmente. Cunhado em 1969 por David Brower, fundador da ONG ambientalista Amigos da Terra, esse conceito se espalhou pelo mundo e é, hoje, quase um lema do terceiro setor. A idéia é que é preciso entender o todo, mas agir segundo as particularidades das partes. Oras, o que é mais local do que nosso quintal? Esse nosso pedaço de planeta. Mais próximo, mais lúdico, mais palpável. É no quintal que começamos a fazer nossa parte.

Vivemos em um país em que o público não é de ninguém. E esquecemos que, na verdade, o que é público é nosso – é seu. Esquecemos que viver em sociedade é cuidar do lugar comum. Quintal não é só os fundos da casa em que crescemos, pedaço privado de mundo, repleto de recordações. Quintal é a rua em que andávamos de bicicleta, jogávamos bola, pulávamos amarelinha. Quintal é o público e o privado, é pensar nos dois. Porque a diferença entre o público e o privado é que o primeiro não é apenas seu ou meu. É de todos.

Sustentabilidade é coisa séria, mas já chega de encará-la como um fardo. É preciso se divertir, sorrir. É preciso inspirar e se inspirar. Sustentabilidade não é fácil, mas é bom. Foi por isso que criamos esse Quintal. Um blog/portal/site colaborativo/lar para nossas idéias de como criar um mundo melhor. Quintal é nosso espaço, onde declaramos nossas intenções de lutar por uma sociedade mais justa. Se antes tínhamos uma pequena iniciativa, o Bamboo Blog, agora decidimos que é preciso crescer: nasce a/o Quintal. Um espaço de idéias. E aqui, você é muito bem-vindo. Participe, colabore. Faça também a diferença. Afinal, o que é público, é seu.

P.s. Eu sei que lá em cima, no título, teria que existir um artigo, “a” ou “o”. Mas ainda não sabemos se Quintal é menino ou menina. Se você tem uma opinião sobre isso, comente.

:::

Nossos Valores

Acreditamos em:

– Divulgar apenas informações verificadas e com fontes. Se isso não for possível, deixaremos claro que não foi possível verificar.

– Utilizar somente imagens Creative Commons ou de domínio público: não infringimos direito autoral. Se você tiver algum problema com alguma foto, fale e tiraremos do ar.

– Mostrar sua voz. Abrimos espaço para que as pessoas discutam. Mas só publicamos aquilo em que acreditamos. Se você não concorda, deixe um comentário. Ele será bem-vindo desde que não possua propaganda ou ofensas a qualquer pessoa. Procure também embasar sua crítica para que possamos aprender com ela: não sabemos tudo.

– Denunciar o que está errado. Se você viu algo de errado e quer fazer alguma coisa a respeito, fale pra gente. Mas procure tirar fotos e obter provas daquilo que viu. Afinal, ninguém aqui quer ser injusto.

– Apoiar iniciativas. Exatamente o contrário do que está no valor anterior.

– Colaborar. Não queremos criar antagonismo, pois fica muito mais difícil de construir quando as partes não se entendem. O espaço público é um espaço de discussão e todos têm direito a opiniões distintas. Por isso, vamos tentar sempre ser justos e criar soluções que contemplem a todos.

:::

A foto é cortesia do meu pai, que tirou quando eu tinha 1 ano de idade.

::::::::::

Quem é Quintal

Vitor Leal Pinheiro

Comunicador Social formado pela ECA/USP (habilitação em publicidade, quem diria!) cansado de ver um mundo que não funciona como deveria. Aluno da pós-graduação do curso de Gestão de Sustentabilidade da FGV.Ciclista sempre que possível. Amante da tecnologia, inovação e do bom design – mas contra a obsolescência programada. Acredita que uma pessoa pode mudar o mundo; e que a liderança se faz pelo exemplo.

::::::::::

Renata Corrêa é cineasta e conversa com plantas e animais. Desencanou das sacolinhas plásticas e tem medo que o mar vire um imenso depósito de havaianas sem tiras. Para suas literaturas usa o Letra Preta.

::::::::::

Vivian Alves sempre acreditou que o ato de cada um afeta o mundo como um todo, por isso é uma daquelas pessoas que se preocupam com o conjunto e agem pensando nas gerações futuras. Lamenta o pensamento individualista e o materialismo exacerbado, mas pode dizer que ainda há esperança. Interessa-se muito por filosofias do comportamento humano e teorias do consumo e adoraria conhecer bastante sobre Lipovetsky e Nietzsche. Ela é responsável pelas traduções para a versão em inglês deste Quintal.

Comments
7 Responses to “Manifesto”
  1. ola vale a pena ver este site http://www.trikecantoni.com.br gostei do seu blog achei muitissimo enteressante quando se fala em ecologia pois se queremos um mundo melhor em primeira mão temos que participar cada um fazer sua parte motiva a ecologia sei que o que estou fazenda ainda é muito pouco mas não deixaria de motivar nosso povo a contruir coisas ecologica é só ter boa vontede e penssar mais em nossos filhos e netos que vão sofrer por causa da destruição do meio ambiente tenho muita vontade contribuir com minha parte e convido a todos para conhecer um pouquinha da minha ideia e tambem cada um de nós fazer nosso parte, ja costrui o trensinhoecologico ,pici kup eco,charretinha eco,quadriciculo e triciulo eco de pedalar e muito mais não só pessando na ecologia como na saude e lazer que é o bem estar de nossas familias visete este site fica para todos um forte abraço.Atenc/J R Cantoni http://www.trikecantoni.com.br

  2. bibomedia says:

    🙂

Trackbacks
Check out what others are saying...
  1. […] Nazismo usou. O Socialismo usou. A Benneton usou. Até o Lula usou. Quem leu o Manifesto deste site, sabe que eu estudei publicidade e trabalho na área (e isso já faz um tempo). Quando […]

  2. […] Gestão de Sustentabilidade, percebi que sustentabilidade é algo meio etéreo, difícil de se definir. É como o amor ou a […]

  3. […] na rua, aí não suja o seu carro (só que a rua é sua, sinto dizer-lhe. O que é público, eu repito, é […]



Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: