Espaços públicos como políticas públicas

Já postamos aqui sobre as Vagas Vivas, que são intervenções nas ruas, que retomam o espaço urbano público perdido para os automóveis privados e os transformam, por períodos curtos de tempo, em espaços de vivência.

Advertisements

Mudar o mundo com uma imagem

São muitas as histórias de fotos que mudaram o mundo. Dizem que o movimento ambientalista nasceu da primeira foto da Terra vista do espaço, quando as pessoas começaram a entender que estávamos em um planeta só, finito e comum. Mas uma foto muito recente teve papel muito parecido no movimento por cidades mais humanas – e mais cicláveis.

Ride a bike

Animação do @flaviochan.

Quando a hora do rush é happy hour

Um vídeo sobre a hora do rush em Utretch, na Holanda.Mas mais parece Happy Hour: ninguém parece estressado com o trânsito intenso.

Ao vivo na Conferência Ethos 2010

Se você ainda não segue o Quintal no Twitter, esse é o momento para começar: a cobertura da Conferência Internacional do Ethos 2010 está rolando por lá. Siga: @quintal (e aproveite para também seguir @99olhares, @InstitutoEthos, @clauchow, @veds e a Tag #CI2010.

Conferência Ethos 2010

A Natura convida 99 internautas para participar da Conferência Ethos 2010 e o Quintal foi um dos blogs escolhidos.

Confie no seu próprio caminho

Traduzo aqui um post do Colin Beavan, também conhecido como No Impact Man.

Desde o lançamento do livro e do filme No Impact Man, tive o privilégio de conversar com muitos grupos. E alguém sempre pergunta, com muita seriadade, “o que posso fazer?”. Em outras palavras, elas querem saber “como-fazer-para-salvar-o-planeta”
“Comece”, eu respondo.

Cidades Humanas

O Apocalipse Motorizado realizou uma ótima série de posts sobre cidades humanas, contrapondo a cinzenta capital paulista a Santiago, no Chile. Vale também lembrar alguns posts sobre o assunto aqui no Quintal:

Carros elétricos são o futuro?

Essa é São Paulo hoje. Congestionada, poluída, cheia de automóveis por todos os lados. Mas você já imaginou a Sampa de amanhã? Uma cidade em que o barulho e a poluição dos automóveis a combustão interna não existe? Onde só existem carros elétricos que não emitem poluentes no uso (pq na geração da energia sempre haverá essa poluição)? Se você quer ver a Sampa dos carros elétricos, clique e leia o resto deste post.

Capacete é coisa que colocaram na sua cabeça

Pedalo sem capacete porque não acho fundamental. Pedalo sem capacete e com roupas “civis” porque quando um pedestre me vir quero que ele pense “que legal que ele está de bike, eu podia estar também” e não “Pedalar é perigoso e eu preciso de um monte de roupas especiais”. Pedalo sem capacete porque acho bonito. Porque quando um motorista me vir ele pode pensar duas vezes nas consequências de uma fina. Pedalo assim porque não uso capacete para andar, para dirigir ou para usar o banheiro. Pedalo sem capacete porque eu estou me locomovendo e não praticando esporte – muito menos radical.