Ano novo, casa nova

Extreme MakeoverO ano mudou e o Bamboo volta ao batente com informações sobre um problema que tem, particularmente, me incomodado. Em volta de onde eu moro tem pelo menos 3 prédios sendo construídos, sendo que um já está praticamente finalizado, enquanto os outros dois ainda estão em processo de demolição das casas antigas para iniciar as fundações. Eu sou a favor das casas, que tem muito mais charme e são mais aconchegantes do que esses gigantes de concreto, aço e, como é mania por aqui, vidro espelhado. Viver em uma casa antiga é algo bastante verde, haja vista que boa parte das emissões de gases estufa e da poluição causada por qualquer moradia provém da sua construção. Assim, é melhor reformar do que construir do zero. Mas sejamos realistas: embora a construção civil seja uma das atividades mais poluidoras realizadas pelo homem, se não construíssemos mais moradias, as coisas estariam impossíveis por aqui. O Rio de Janeiro é um exemplo: como não tem pra onde crescer, temos absurdos como kitnetes com aluguel de 1,5 a 2 mil reais.

Canteiros de obras se tornou uma visão muito comum em São Paulo. No primeiro semestre de 2007, o mercado imobiliário cresceu 40% na cidade. Isso, aliado ao barateamento de empréstimos e à briga travada entre os bancos para conquistar o cliente, aumentou consideravelmente a atividade de construturas na capital.

De uma maneira geral, no entanto, viver em prédios de apartamentos é uma atitude bastante sustentável: em menos espaço vivem mais pessoas e tem-se melhor aproveitamento do terreno, além de uma melhor organização de serviços.

Mas o problema de que eu queria falar é outro: as pequenas reformas domésticas. Enquanto em grandes reformas e em construções o praxe é contratar a famosa caçamba para coletar o entulho, nas pequenas, aquela em que a gente precisa quebrar uma parede para arrumar um cano que vazou, ou consertar a fiação, acabamos com alguns tijolos quebrados e uma dor de cabeça. O que fazer com esses residuos? Meu pai tinha o costume de colocar pequenas quantidades no lixo comum todos os dias, o que vim a descobrir que, além de proibido, é um problema ambiental. Esse tipo de resíduo é inerte, não se decompõe facilmente e poderia ser reaproveitado.

CaçambaMas jogar entulhos no lixo comum nem é o pior problema. Em muitos casos, ele vai parar em terrenos baldios, nas ruas da periferia ou em áreas de mananciais e orlas marítimas. É o caso de uma pequena reforma em uma casa perto de onde eu moro. Fui pegar o metrô um dia e vi dois pedreiros trabalhando na casa (que já foi até derrubada para a construção de um prédio). No dia seguinte, de manhã, havia sacos de entulho numa praça meio quarteirão para cima. Além da sujeira, eles impediam a passagem de pedestres, o que causava riscos para as pessoas que, como eu, passavam ali todo dia.

A cada dia eu ficava mais irritado com a situação e pensava em maneiras de resolver o problema. Cheguei a considerar jogar o entulho por cima do muro, de volta ao terreno de origem. Mas convenhamos: não sou nenhum vândalo e acho que dessa forma não resolvemos os problemas do nosso mundo – só aumentamos as reservas que essas pessoas têm contra quem pensa num mundo sustentável.

O fato é que, cerca de uma semana e meia depois, o entulho sumiu. Mas eu fiquei com a pulga atrás da orelha e acabei achando um site da prefeitura de São Paulo onde você encontra diversas áreas que recebem o entulho e fazem a triagem para reciclar, reaproveitar ou dar o devido fim. Confira aqui. Também incluí uma cópia na nossa área de Informações.

:::

Fotos cortesia de Sr. Mike e eef_e as coisas todas via Flickr.

Comments
2 Responses to “Ano novo, casa nova”
  1. Flávia says:

    Olá.
    Condomínios fechados.
    aqui perto de casa também temos dois em construção e outro já pronto.
    É um bairro repleto de prédios, a maioria com piscinas q na maior parte do tempo esta com “sombra..” dos outros prédios.
    Mas, a maioria dos prédios que estão sendo construídos hoje tem um sistema ecologicamente falando ‘bom’ (melhor)
    Lixo: O condomínio tem coleta seletiva .
    (poucos) encaminhamento do material para cooperativas de catadores.
    Água: água utilizada para regar plantas é aquela do banho e das máquinas de lavar roupa.
    EXISTEM OUTRAS REUTIZAÇÕES..
    Verde: contribui com belos jardins.

    Fazendo reuniões você pode ser ouvido por muitos de uma só vez; (aqueles q comparecem a tais reuniões)

    Eu li também uma vez sobre “edifícios verdes”
    Na América latina o único é do Banco Real, para o condomínio ganhar o selo ele tem que cumprir regras rígidas (corretas) que são avaliadas seriamente. A avaliação é bem demorada (pelo q lembro.. cerca de dois anos)

    Obrigada pelo seu tempo.

  2. walbr viera says:

    ola tenho cacambas para entulhos, quero fazer uma propaganda comercial na cidade.
    menos radio tv.
    A cidade tem 50 mil habitantes.
    gostaria de ideias

    gratoooooo

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: